viajar sozinho

Viajar sozinho nāo é viajar solitário

Para quem nunca viajou sozinho, a decisāo de planejar a primeira ida a terras estrangeiras sem um amigo, familiar ou namorado pode ser assustador. Mas às vezes nāo temos escolha pois nem sempre nossos amigos estarão disponíveis para nos acompanhar na data que podemos/queremos, seja por questões financeiras, ou porque iniciaram um novo relacionamento, ou até mesmo por nāo terem interesse no destino escolhido. Essa situação nāo é rara, e meu conselho é pegar as malas e partir sozinho.

Viajar com amigos estreita as relações e aumenta a cumplicidade, mas ir sozinho te abre portas para conhecer novas pessoas que estāo se aventurando também. A dica mais valiosa é se hospedar em um hostel (albergue), nesse ambiente a probabilidade de você conhecer um outro turista que esta na mesma situação é grande. O perfil de quem se hospeda em um albergue sāo de viajantes entre 20 e 35 anos, que querem descobrir a cidade de destino tanto quanto você e estão abertos a conhecer pessoas novas.

Além de ser mais econômico que um hotel tradicional, o conceito de que o hostel é um lugar pouco confortável, seguro ou privado já está ultrapassado, hoje é possível se hospedar em quartos particulares e ainda sim ter contato com os demais hospedes na áreas de convivência. O ambiente compartilhado é invariavelmente cheio de pessoas interessantes e querendo trocar experiências, e pra quem é solteiro pode rolar até uma pegaçāo.

O mais difícil é a primeira vez, mas depois você percebe que viajar sozinho é tāo bom quanto ir com amigos. Sāo viagens totalmente diferentes, claro, mas vale muito a pena. Fazer seu próprio roteiro, acordar na hora que quiser e se sair a noite e ficar com ressaca ou com alguém você pode passar o outro dia todo trancado no quarto sem ter que dar satisfaçāo. E o melhor, em tempos de selfie e pau-de-selfie, você vai conseguir registrar todos os momentos sem problemas.   

Sem dúvidas, para uma viagem muito curta talvez seja difícil criar laços com outras pessoas, mas se hospede por 5 dias num hostel em qualquer lugar do mundo e duvído que um “bom dia” nāo se transforme em uma conversa agradável e até um convite para sair a noite juntos. E nos momentos que estiver sozinho aproveite para estar com você, desfrute da sua própria companhia, vez ou outra é importante lembrarmos e percebermos que somos seres auto-suficientes.

Já passei por essa experiência 2 vezes, uma em Sāo Francisco há 7 anos e outra em Buenos Aires há 2, e o resultado nāo poderia ser melhor, fiz amigos queridos na viagem que depois vieram me visitar no Brasil. De quebra ainda tenho hospedagem grátis na Suécia, França, Estados Unidos e Alemanha.

Entāo nāo se prenda a ninguém, planeje sua próxima viagem sempre lembrando que mesmo indo sozinho você nāo estará solitário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s