A Tragédia dos Andes e uma lição de vida

Em 1972 o avião fretado Voo Força Aérea Uruguaia 571 que transportava 45 pessoas, incluindo um time de Rugby, amigos e familiares, se chocou nos Andes em um acidente que ficou conhecido no mundo inteiro como a Tragédia dos Andes, ou o Milagre dos Andes.

Após 72 dias, apenas 16 pessoas sobreviveram. Com pouca comida e recursos, expostos a condições extremas de um frio congelante, os passageiros se alimentaram dos próprios amigos mortos para resistir todo o período. Em 1993, a forte e comovente história virou o filme Alive (Vivos, em português). Você pode assistir no Netflix ou neste link.

Hoje em Harvard, na 18th Annual Latin American Conference, tive o prazer de conhecer o Roberto Canessa. Ele sobreviveu ao acidente de avião nos Andes em 1972.

Ele tinha 19 anos e, junto com todo o time uruguaio de rugby, ficou 2 meses e meio perdido nas montanhas congeladas.

Perdeu 30 kilos, a irmã e mãe. O pai nunca perdeu as esperanças de achá-lo, mesmo após a busca ser dada como encerrada.

Fiz um resumo das coisas que ele disse hoje que me inspiraram muito:

– A vida não é fácil, e nem justa!
– Aprendi ainda mais a importância de trabalhar em equipe: nos organizamos, sempre juntos, discutindo as soluções. Passamos sede, mas criamos um mecanismo para usarmos a neve e termos água sempre.
– Estávamos -30 graus abaixo de zero e os ossos doíam, mas a felicidade de estar vivo não cabia em mim.
– Aprendi muito sobre o comportamento humano: como cometemos erros o tempo todo, como nos sentimos tristes, frustados, mas também como nos sentimos felizes e motivados com dores e problemas.
– Optamos por comer os corpos das pessoas mortas pra sobreviver, momento de muita conversa com Deus, como nunca tive antes.
– Pequenas coisas na vida nos fazem felizes, a presença do sol, por exemplo, comer um pão depois de muito tempo sem comer nada substancial.
– Ter coragem! E conseguir passar isso pra todos do time.
– Quando achei a minha mala, achei uma foto e nessa foto tinha um bolo. Nunca achei um bolo tão sexy! Coisas que nunca tinha parado pra pensar antes.
– Cometa erros, o ser humano é assim!
– O topo muitas vezes não é como imaginamos, descobri isso quando estava em cima das nuvens, no alto das montanhas mais altas. O topo é o que você quer que seja.
– Aproveite seus pais! Agradeça sempre! Vaidade é horrível. Meu pai sempre soube que eu estava vivo e lutou até o final.
– Quando se sentir desapontado, olhe pra trás e veja tudo que ja conquistou!
– Descubra as razões que te movem e te motivam!
– Sou casado há 40 anos com a mesma mulher que me esperou após 2 meses e meio.

Assisti o filme ha 1 mês atrás e é impressionate!

Beijos 😘
Julia

andes-roberto-cassade-julia

 

Colaboradora do Blog

 

Julia dos Mares Guia, mineira de BH com o sotaque mais cantado do Brasil estuda Marketing Internacional em Boston.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s